Em Dezembro de 2011, o Parlamento Europeu afirmou que via potencial para um crescimento significativo no uso da bicicleta e apontou-o como uma prioridade para investimento europeu, recomendando que a EuroVelo, a rede europeia de rotas cicláveis, fosse incluída na rede estratégica de transportes TEN-T (Trans-European Transportation Network).

No próximo 18 de Dezembro, o Parlamento Europeu irá votar legislação fundamental que ditará como os milhares de milhões de euros da TEN-T serão usados. Infelizmente, há indícios de que a bicicleta está agora em risco de ficar de fora das principais políticas e fundos de financiamento da União Europeia.

Uma parte importante do futuro da bicicleta na UE decide-se já na próxima 3ª feira, e todos os cidadãos europeus podem ter uma palavra a dizer, manifestando a sua opinião aos eurodeputados que nos representam no Parlamento Europeu.

Actualização: a nossa voz foi ouvida! Para mais informação, consultar este link.

Como podes agir?

Na sequêcia do apelo da Federação Europeia de Ciclismo (ECF) (da qual a MUBi é membro), a MUBi recomenda que todos os sócios que concordem com a inclusão da bicicleta na rede estratégica de transportes enviem um email aos eurodeputados portugueses que nos representam na votação de dia 18 (eurodeputados Elisa Ferreira e Nuno Teixeira).

Para manifestares a tua opinião e pedires aos eurodeutados Elisa Ferreira e Nuno Teixeira que votem em favor da inclusão da bicicleta na rede estratégica de transportes TEN-T, preparámos um esboço de email, já pronto a enviar. Para tal, basta copiares o texto abaixo para uma mensagem de email, adaptares e/ou completares o texto ao teu gosto, e finalmente enviares a mensagem.

Para: elisa.ferreira@europarl.europa.eu, nuno.teixeira@europarl.europa.eu

Assunto: Inclusão da EuroVelo na TEN-T: a Política Europeia de Transportes não pode ignorar 100 milhões de cidadãos

Exmos. Srs. Eurodeputados Elisa Ferreira e Nuno Teixeira,

Cerca de 35 milhões de cidadãos europeus utilizam diariamente a bicicleta como meio de transporte. E mais de 100 milhões utilizam-na regularmente.

Em Dezembro de 2011, o Parlamento Europeu mostrou que via potencial para um crescimento significativo no uso da bicicleta e apontou-o como uma prioridade para investimento europeu, recomendando que EuroVelo, a rede europeia de rotas cicláveis, fosse incluída na rede estratégica de transportes TEN-T (Trans-European Transportation Network).

No entanto, o uso da bicicleta está agora em risco de ficar de fora das principais políticas e fundos de financiamento da União Europeia.

Venho por este meio apelar-vos, como meus representantes no Comité de Transportes, que no próximo dia 18 de Dezembro, votem a favor da integração do EuroVelo no TEN-T, da melhoria da infrastrutura e condições das rotas cicláveis ao longo dos corredores TEN-T, e da implementação de intersecções seguras nos cruzamentos dos corredores TEN-T com rotas cicláveis nacionais ou regionais.

Obrigado por não negligenciar as necessidades de 100 milhões de cidadãos e os potenciais enormes que a promoção do uso da bicicleta traz ao nível de crescimento económico, eficiência de tráfego, saúde pública e redução de emissões de CO2.

3 Responses to Uma parte do futuro da bicicleta na UE decide-se em breve, e todos nós temos uma palavra a dizer

  1. paulo diz:

    Eu uso quase sempre a bike para me deslocar- trabalho/casa e passeios com algumas provas desportivas.
    Sou fã 🙂

  2. Maria Antunes diz:

    Eu gosto muito de todos os dias dar uma voltinha, mas nem sempre posso.

    GOSTO MUITO DE ANDAR DE BYCE.

  3. Paulo Silva diz:

    eu uso a bicicleta para deslocação entre casa e o fundo de desemprego, antes ia para o trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *